quarta-feira




Nós aqui éramos donos do comboio, da Europa…
Nós aqui amamo-nos até não mais, éramos um só.

Aqui era o nosso mundo, aqui acontecia tudo.

Todas as cidades que passamos em que as recordações estão longe…

Mas lembro-me de nós, lembro-me como estávamos agarrados uma ao outro, lembro-me quando desapareceste e fiquei no Museu D'Orsay e tu de surpresa foste ao Pompidou para comprar um livro que tinha adorado, lembro-me destes pormenores, lembro-me do americano do tango que nunca percebemos se estava a fazer a mim ou a ti, lembro-me daquela escola onde dormimos em Praga, lembro-me das nossas multas do metro em Praga e Budapeste, lembro-me do relógio. Lembro-me que quando estávamos na viagem a passar pela Eslovénia um homem ter-te posto fora do comboio e eu a ver o comboio a partir e tu a ficares, lembro-me do TGV, lembro-me da chuva de Amesterdão, daquelas esculturas de areia e do quentinho, lembro-me do "ooooo lálá", lembro-me do "very good panorama" em Budapeste. Lembro-me de Cracóvia daqueles restaurantes subterrâneos, dos pimentos coloridos. De Auschwitz, que nem demos pelo tempo passar de tão aparvalhados que estávamos com tudo aquilo e no final estar um pôr de sol maravilhoso! Lembro-me de termos perdido o autocarro de Auschwitz para Cracóvia e apanharmos um taxista que passou a viagem a falar do Benfica! Lembro-me de encontrar-mos um dicionário Polaco - Inglês de tão desesperados estar por eles não nos perceberem…

Lembro-me da despedida, lembro-me quando chegamos à carruagem portuguesa de Irún - Lisboa e tínhamos uns belos rissóis de camarão com arroz de cenoura e uma sagres e que bem nos soube!

Todas estas recordações que fui tendo lembro-me de todos os nossos sorrisos e desesperos, é bom recordar o que fica…

3 opiniões:

manú disse...

Que boas recordações lindona :)

delicioso...

LuisElMau disse...

as boas memórias são sempre um calor que nos envolve e que ficam sempre perto de nós.
é óptimo ter boas memórias e a saudade nada mais é que isso mesmo, fruto de termos vivido coisas maravilhosas.
belo texto amiga.

Meres disse...

obrigado amigo!!:)